Folclore Brasileiro » Lobisomem

Christiane Angelotti

Segundo a lenda se um casal que teve 7 filhas tiver um menino depois este será um Lobisomem. Aos 13 anos começa a sofrer a maldição e se transforma em um Lobisomem.
Dizem alguns que há outras formas de passar a maldição adiante: quando um velho Lobisomem sente que vai morrer, ele fica sofrendo muito até passar o “encargo” a alguém mais moço. E não consegue morrer antes disso. Se tem algum jovem por perto, ele pergunta: "Tu queres?". Ingenuamente o jovem responde “ sim” acreditando ser uma herança ou um presente. Só assim o velho morre satisfeito, tendo passado a maldição adiante ele terá paz de espirito.
Outra forma de sofrer da maldição é se um homem for atacado por um lobo ou por um Lobisomem e sobreviver.
O homem que se transforma em Lobisomem é sempre bem magro, de olhos fundos, muito pálido. Quase sempre mora sozinho, muitos o acham um pouco esquisito.
As noites de Quinta para Sexta-feira são as noites da transformação, há pessoas que dizem que á transformação só ocorre nas noites de lua cheia. Ele retorna à forma humana antes do dia clarear.
Seu uivo é de arrepiar!
Ataca qualquer um que cruzar o seu caminho, tem gente que diz que ele só ataca se sentir-se ameaçado.
Em alguns lugares do Brasil e do mundo,pois essa é uma lenda comum em vários países, referem-se ao Lobisomem como um ser imortal, que não envelhece, não fica doente e se machucado possui uma cicatrização rápida. Dessa forma, só é possível matar o Lobisomem com um revólver que utilizar uma bala de prata.

A reprodução do texto acima,permitida somente mediante autorização prévia da autora
E-mail: chris@angelotti.eti.br

Folclore brasileiro: Lobisomem.

Veja mais lendas e personagens do folclore brasileiro.



Não encontrou? Pesquise abaixo mais conteúdo infantil: